Home Bahia O paraíso fica em Moreré, a vila de pescadores da Ilha de Boipeba, na Bahia

O paraíso fica em Moreré, a vila de pescadores da Ilha de Boipeba, na Bahia

por Gabriela Mendes
O paraíso fica em Moreré, a vila de pescadores da Ilha de Boipeba, na Bahia

Deixe a pressa em casa e conheça a paradisíaca vila baiana do Moreré. O tempo passa de acordo com o nível do mar, que vai mudando a paisagem do litoral ao longo do dia. Guarde o relógio na mala, coloque uma roupa de banho, muito filtro solar e aproveite as belezas naturais que o destino tem a oferecer.

_dsc0344

Moreré é uma pequena comunidade de pescadores que está localizada na Ilha de Boipeba, na Bahia, e tem apenas 250 moradores. Grande parte dos turistas fica em Velha Boipeba ou Morro de São Paulo e acabam só conhecendo o lugar de passagem. Porém, se você gosta de tranquilidade e conexão com a natureza, minha dica é reservar uma pousada ou montar a barraca no camping e ficar alguns dias por lá.

O perrengue da chegada (que eu explico abaixo) é recompensado pelo ritmo de paz da vila, que é bem rústica. As ruas são de areia, as praias belíssimas e a culinária recheada de frutos do mar. A água é calma, graças aos arrecifes que cercam o litoral. Dependendo do horário da maré, são formadas piscinas naturais.

Apesar de Moreré não ser um destino tão explorado pelo turismo, há opções para todos os bolsos. Desde pousadas maravilhosas com todo o conforto até campings. Há restaurantes com PFs de 20 reais e lagosta, caranguejo e camarão da melhor qualidade. Porém, tudo muito simples, sem luxo e com muito charme do litoral baiano.

Vale lembrar que não há carros circulando na vila, só os tratores que fazem o trajeto Moreré-Velha Boipeba. Além disso, esqueça o celular, pois não há sinal. De vez em quando, em alguns trechos da Praia do Paraíso ou Bainema, há alguns pontinhos de sinal da operadora Vivo. Porém, a boa é se desligar das tecnologias e aproveitar a paz que o lugar oferece.

Vale a pena passar o ano novo em Moreré?

Eu tive a experiência maravilhosa de passar a virada de 2015 para 2016 e de 2016 para 2017 com amigos. Para mim, a melhor forma de passar o ano novo é viajando, mas é claro que escolher um roteiro nessa época do ano costuma sair caro e os lugares sempre estão cheios. Antes de fechar a viagem, fiquei muito em dúvida por conta disso. Achei que a vila relax poderia ficar superlotada, ainda mais porque estava rolando o festival “Mareh”, de música eletrônica. Porém, o clima da vila continuou o mesmo e foi do jeito que eu esperava nos dois anos seguidos. O público da rave estava, em grande parte, hospedado em Velha Boipeba e, em Moreré, tinha uma quantidade muito boa de pessoas. As praias eram vazias e à noite rolava rodinha de violão.

Os lugares mais lindos

Praia de Moreré

A principal praia da vila, onde estão localizados restaurantes, pousadas e casas de temporada.

_DSC0056blog

Praia de Moreré com a maré alta

Praia de Bainema

O lugar fica em direção ao sul da ilha e tem uma faixa de areia enorme, bem deserta. O mar é um pouco mais agitado, com ondas baixas.

_DSC0038blog

A Praia de Bainema tem uma faixa de areia extensa que fica deserta mesmo na alta temporada

Praia do Paraíso

Fica ao norte da Praia de Moreré e é excelente para banho quando a maré está cheia. É por lá que ficam vários campings à beira mar.

Praia da Coeira

A praia fica mais perto de Velha Boipeba e tem uma faixa de areia enorme. Indo mais para o norte o destino é mais explorado, com restaurantes. Ao sul, a faixa de areia é mais deserta e há um rio para tomar banho de água doce.

_DSC0114blog

Na Praia da Coeira o rio encontra o mar

Praia Boca da Barra

A praia é bem habitada, com comércio e restaurantes. Fica em Velha Boipeba.

Praia Tassimirim

O destino é muito procurado por pescadores, já que a areia é coberta de pedras. Fica a 25 minutos a pé de Boca da Barra.

Ponta dos Castelhanhos

O belíssimo destino é um passeio imperdível. Por conta dos arrecifes, o mar fica com piscinas naturais. Quem quiser tomar banho de água doce, há o Rio Catu bem ao lado. No local é possível comprar bebidas e petiscos, como o delicioso pastel de lagosta e caranguejo. Confira a matéria sobre o passeio para a Ponta dos Castelhanos.

_DSC0188blog

Relaxe nas piscinas naturais da Ponta dos Castelhanos com uma paisagem maravilhosa

Piscinas naturais

O passeio que leva até as piscinas naturais é bem bonito, porém o local já está muito explorado. Vários barcos ficam parados no lugar ao longo do dia e os turistas passam horas dentro do mar com mesas, petiscos e som alto, o que acaba afastando a vida marinha. Há outras piscinas naturais que não são tão populares, vale a pena conversar com os pescadores. 

Os melhores passeios

Caminhada no mangue até a Ponta dos Castelhanos e Toca da Onça

A Ponta dos Castelhanos é o lugar mais paradisíaco da ilha. A praia tem uma faixa de areia enorme e uma piscina natural deliciosa que se junta com o Rio Catu. Há diversas formas de chegar no local, mas nós combinamos com um morador de Moreré de fazer a caminhada pelo mangue. Saiba tudo sobre esse passeio aqui.

_DSC0142blog

Charlinhos no manguezal

Passeio de lancha

Outra opção para conhecer os arredores de Moreré é contratar uma lancha que fica o dia todo a disposição do grupo. Eu consultei os preços na Associação Turística que fica na Praia de Moreré. O preço saía R$ 70 por pessoa, sendo que nós éramos 12. O guia faria as piscinas naturais, Ponta dos Castelhanos, Toca da Onça e Coroa Grande. Pode ser uma boa opção para conhecer a região.

Caminhada da praia de Moreré até a praia da Cueira

A caminhada de 1h sai da praia de Moreré, sentido Velha Boipeba, passando pela Praia do Paraíso, entrando em uma propriedade com coqueirais, cruzando um rio e chegando na Praia da Cueira. É preciso fazer o passeio cedo, quando a maré ainda está baixa. Para aproveitar, a dica é comer no Guidos Restaurante, que tem uma das lagostas mais famosas da Bahia. Se der preguiça de voltar caminhando, dá para pegar o trator, que fica a 15 minutos andando.

_DSC0113blog

Passeio de canoa

O passeio vai pelo manguezal quando a maré está alta, podendo observar a biodiversidade local. O trajeto é todo feito de canoa por guias locais.

Onde comer

Guidos RestauranteO restaurante é famoso por servir uma das lagostas mais gostosas da Bahia. O preço varia de R$ 70 a R$ 150 para um prato que serve duas pessoas. Vale muito a pena, é delicioso. A casa fica na praia da Cueira, em Velha Boipeba.

IMG_0807

A moqueca de lagosta do Guidos

Estrela do Mar – O delicioso restaurante serve frutos do mar fresquinhos. O preço vai de R$ 40 a R$ 90 para pratos que servem duas pessoas. Fica na Toca da Onça.

_dsc0292

Moqueca de polvo inesquecível no Estrela do Mar por R$ 70 pra duas pessoas

Pizza Integral no Camping Cuíca – A pizza vagetariana é uma delícia e custa R$ 13, com um tamanho individual. Não deixe de botar o mel com pimenta para deixar ainda mais gostoso. O lugar ainda serve sanduíches, cuscuz de milho, sucos naturais, bolos e uma cachaça artesanal muito boa. Fica na Praia do Paraíso.

Restaurante Mar e Coco – O restaurante fica na Praia do Paraíso, ao lado do Camping Cuíca, e é uma excelente opção para comer frutos do mar. Os preços variam de R$ 60 a R$ 120 para um prato que serve duas pessoas. A boa é que eles também fazem meia porção, podendo comer um Pf delicioso de moqueca de caranguejo por apenas R$ 35 🙂

Padaria do Cajueiro – Sim, tem uma padaria francesa em Moreré! O dono, que nasceu em Lyon, se encantou pelas terras baianas e vende seus pães deliciosos por lá. É um ótimo lugar para tomar café da manhã ou lanchar. Um misto quente custa R$ 3,5.

Café da manhã na pousada Rancho Alegre – a pousada, além de ser uma maravilha, tem uma café da manhã dos deuses. Quem não está hospedado pode ir no lugar só pra tomar café, que é cheio de delícias regionais como bolinho de estudante, cuscuz, bolo de aipim… Custa R$ 30 por pessoa.

PFs – Em diversos lugares da vila há casas que servem PFs por R$ 20 bem gostosos.

Onde se hospedar em Moreré

Pousada O Rancho Alegre A pousada é uma boa pedida para quem quer conforto sem gastar muito. Ela fica a alguns passos da Praia de Moreré, tem ar-condicionado, um café da manhã dos deuses e a Esther, que é a dona é um amor. As diárias variam de R$ 150 a R$ 300.

Casa do Clóvis Nós alugamos uma casa para 8 pessoas que saiu R$ 620 para cada um (foi carinho, mas era ano novo e nós fechamos de última hora). No mesmo lugar, a mulher do Clóvis, a Rita, serve um café da manhã maravilhoso por R$ 14. Há também casas maiores e quartos para casais. Contato: (75) 99905-9245/ (75) 99905-9818.

Camping Cuíca – O camping fica bem em frente à Praia do Paraíso e tem um ambiente muito bom, já que nos dias de final de ano a música sempre começa por lá. Os donos também são bem gente boa. A diária custa em torno de R$ 20.

Alizées MoreréUma opção excelente para quem procura conforto e quer acordar com uma vista de tirar o fôlego do mar azul de Moreré. A pousada fica no alto de uma colina, bem no centrinho da vila e tem bagolôs muito charmosos. As diárias variam de R$ 190 a R$ 430.

Pousada a Mangueira – A pousada charmosa está situada na Praia de Moreré. As diárias variam de R$ 230 a R$ 295.

Para mais opções de hospedagem, consulte o site oficial da Ilha de Boipeba.

Como chegar em Moreré

A melhor opção é pegar o ferry-boat para Bom Despacho no terminal São Joaquim (próximo ao Mercado Modelo, mas não é o terminal marítimo do Mercado Modelo). Preço: R$ 5,60 (sábados, domingos e feriados); R$ 4,30 (dias úteis). Tempo de viagem: 1h.

IMG_0755

Horários do ferryboat para Bom Despacho

Em Bom Despacho pegar um ônibus até Valença. O terminal rodoviário fica dentro da estação de ferry-boat. Empresas que fazem o trajeto: Águia Branca e Cidade do Sol. Preço pela Cidade do Sol: R$ 21,90. Tempo: 2hrs (pegar o ônibus expresso que só tem uma parada em Nazaré).

Chegando em Valença, pedir para descer no ponto do terminal marítimo, que é um antes da rodoviária da cidade. De lá são 5 minutos de caminhada até as lanchas. Pegar uma lancha para Boipeba. Preço: R$ 44. Duração: de 1h a 1h30.

Há também a opção de pegar um barco lento, que demora 3h30 e custa cerca de R$ 15.
Chegando em Boipeba temos que andar até o ponto do trator por mais ou menos 15 minutos. Sim, isso mesmo, o último trecho é de trator. Preço: R$ 10. Tempo: 40 min.
Tempo total de viagem: 6 horas
Gasto total: R$ 81,5
Tem vontade de conhecer Moreré e ficou com alguma dúvida? Deixa um comentário aqui no post que nos respondemos rapidinho! 🙂

Posts relacionados

6 Comentários

6 praias brasileiras para passar o Ano Novo – Gira Mundo 28/11/2016 - 16:13

[…] O mais roots de todos (e o meu preferido) é a vila de pescadores do Moreré. O lugar é super simples, praticamente não há luz e o telefone não tem sinal. Durante o ano novo o local fica com um clima delicioso, cheio de jovens que fazem rodinha de violão à noite. Saiba todas as informações aqui. […]

Reply
Ilha de Boipeba: passeio pelo manguezal, Ponta dos Castelhanos e Toca da Onça – Gira Mundo 17/01/2017 - 12:02

[…] O paraíso fica em Moreré, a vila de pescadores da Ilha de Boipeba, na Bahia […]

Reply
Sarah 10/01/2018 - 16:43

Olá!
Pela viação Cidade do sol o ônibus que paga em Bom Despacho é a linha Valença ou Valença-Cariru?
Obrigada.

Reply
Gabriela Mendes 10/01/2018 - 18:32

Oi Sarah, tudo bem? É a linha Bom Despacho-Valença, demora cerca de 1h45, 2hrs 🙂

Reply
Clara Jorge 31/01/2018 - 17:13

Oi, Gabriela! vou em março para lá, e ouvi falar muito bem do Clóvis. quantos dias ficaram por lá ?

Reply
Gabriela Mendes 31/01/2018 - 20:52

Oi Clara. Que maravilha que você vai pra lá ❤️ Nas duas vezes que eu fui fiquei cerca de uma semana e foi muito bom. Desliguei total da tomada. As casas que o Clóvis tem são bem simples, mas são confortáveis e o café da manhã que eles servem é DOS DEUSES!!! Boa viagem procê, qualquer dúvida tô à disposição.

Reply

Deixar um comentário

pt_BRPT_BR
en_USEN pt_BRPT_BR