Home Américas Entenda o Boleto Turístico de Cusco

Entenda o Boleto Turístico de Cusco

por Gabriela Mendes
Entenda o Boleto Turístico de Cusco

Indispensável, prático e vantajoso. Quem vai a Cusco precisa ter um. Mas, afinal, o que é esse tal boleto e para que serve?

O Boleto Turístico de Cusco é um ticket de ingresso para até 16 atrações na cidade e nos arredores, como nas ruínas do City-tour e no Vale Sagrado. Você pode até comprar cada atração separadamente, mas sai muito mais caro e, em muitos lugares, você não encontra uma bilheteria para comprar o ingresso.

O boleto é nominal e é preciso apresentá-lo na entrada dos lugares. Ele tem validade de dez dias a um dia – dependendo de qual você compra – e, a cada vez que se visita um local, é feito um furinho no papel.

Na frente há todas as atrações com uma foto e no verso tem escrito o endereço e horário de funcionamento.

Há quatro boletos diferentes. A escolha de qual comprar vai depender da disponibilidade de tempo e interesse de cada um. GeneralCircuito 1Circuito 2 e Circuito 3.

>>Vale lembrar que estudantes têm descontos em todos os boletos, mas é preciso fazer a Carteira Internacional de Estudante ISIC no Brasil. Os descontos valem até para o ingresso de Machu Picchu 🙂

General

Preço: 130 soles

Inclui 16 atrações: Moray, Ollantaytambo, Pisac, Chinchero, Tambomachay, Pukapukara, Qenqo, Saqsayhuamán, Tipón, Pikillacta, Museo de Sitio del Qoricancha, Museo Municipal de Arte Contemporáneo, Museo Histórico Regional, Museo de Arte Popular, Monumento Pachacuteq e Centro Qosqo de Arte Nativo.

É o que vale mais a pena, ainda mais se você for estudante, pois a maioria das pessoas faz mais de um passeio que está incluído. Os Circuitos 1, 2 e 3 estão dentro do General.

Tem validade de 10 dias.

IMG_2959

Circuito 1 

Preço: 70 soles

Este boleto inclui os sítios arqueológicos que estão perto de Cusco, normalmente os do City-TourTambomachay, Pukapukara, Qenqo, Saqsayhuamán. É bom para quem não tem muito tempo para conhecer os outros lugares e quer fazer só o básico.

Tem validade de um dia.

Saiba mais sobre o City-Tour de Cusco

Circuito 2

Preço: 70 soles

Esta opção é para quem quer conhecer principalmente os museus da cidade e inclui dois sítios arqueológicos: Museo de Sitio del Qoricancha, Museo Municipal de Arte Contemporáneo, Museo Histórico Regional, Museo de Arte Popular, Monumento Pachacuteq, Centro Qosqo de Arte Nativo, Tipón, Pikillacta.

circuito 2

As bolas e setas em vermelho indicam as atrações incluídas

Circuito 3

Preço: 70 soles

Ideal para quem quer conhecer só o Vale Sagrado. Dá direito a quatro atrações: Moray, Ollantaytambo, Pisac, Chinchero.

Saiba mais sobre o Vale Sagrado

1. Peru e Bolívia - fev (390)

Onde comprar

O lugar mais recomendado é o escritório da COSITUC, que fica no Centro Histórico (Av. El sol, 103). Para mais informaçõs, acesse o site oficial.

Só não esqueça o boleto no hotel antes de fazer os passeios! 😉

Para saber mais sobre meu roteiro de 24 dias no Peru e na Bolívia, clique aqui.

Posts relacionados

6 Comentários

O City-Tour de Cusco, uma introdução às ruínas incas | Ecdemomania 05/06/2014 - 15:10

[…] por pessoa e, para entrar nas atrações, é cobrado a parte. Porém, todas estão incluídas no Boleto Turístico, pagar por cada uma sai bem mais […]

Reply
Tudo sobre o Vale Sagrado, um passeio imperdível saindo de Cusco | Ecdemomania 05/06/2014 - 15:31

[…] custa? A maioria das ruínas faz parte do Boleto Turístico, inclusive o City-Tour e alguns museus de Cusco (preço normal: 130 soles, para estudante: 70 […]

Reply
Meu roteiro no Vale Sagrado: Pisac e Ollantaytambo | Ecdemomania 05/06/2014 - 15:38

[…] Dica: normalmente as agências de viagem param primeiro em Pisac (pela manhã) e depois em Ollantaytambo (na parte da tarde). Para quem está fazendo o passeio por conta própria o melhor é seguir o fluxo contrário. Outra dica é que esses dois passeio estão inclusos no Boleto Turístico. […]

Reply
O melhor de Cusco: roteiro de passeios, restaurantes e hotéis | Ecdemomania 05/06/2014 - 15:48

[…] de Arte Popular: um museu bem pequeno que nós só fomos porque estava incluído no Boleto Turístico. Não é tão interessante. (Av. El […]

Reply
O melhor de Cusco: roteiro de passeios, restaurantes e hotéis – Gira Mundo 31/03/2017 - 11:29

[…] museu é bem pequeno e acabei indo para conhecer porque estava incluído no Boleto Turístico, mas não é imperdível. (Av. El […]

Reply
Meu roteiro no Vale Sagrado: Pisac e Ollantaytambo – Gira Mundo 09/04/2017 - 22:10

[…] Dica: normalmente as agências de viagem param primeiro em Pisac (pela manhã) e depois em Ollantaytambo (na parte da tarde). Para quem está fazendo o passeio por conta própria o melhor é seguir o fluxo contrário. Outra dica é que esses dois passeio estão inclusos no Boleto Turístico. […]

Reply

Deixar um comentário

pt_BRPT_BR
en_USEN pt_BRPT_BR