Home Américas Puno, a cidade que guarda o Lago Titicaca

Puno, a cidade que guarda o Lago Titicaca

por Gabriela Mendes
Puno, a cidade que guarda o Lago Titicaca

Assim que eu cheguei a Puno confirmei o que eu tinha lido em alguns blogs de viagem: como a cidade é feia! Porém, para quem quer conhecer um dos lugares imperdíveis do Peru, o Lago Titicaca, é recomendado passar uma noite. É do porto da cidade que saem os passeios para as famosas Isla de Uros e Isla Taquile. Como nós queríamos aproveitar um pouco mais, decidimos dormir na Isla Amantani, que é a menos turística, mas guarda a tradição de um povoado que ainda vive fora dos tempos modernos. Neste post você fica sabendo sobre nossa experiência e sobre outras dicas de passeios em Puno.

Vale a pena ir a Puno?

Se você pretende conhecer as ilhas do Lago Titicaca, sim. Porém, não é necessário reservar um dia inteiro para conhecer a cidade, pois ela não tem muitas atrações para turistas. Além disso, Puno é um dos pit-stops de quem vai para a Bolívia. A cidade está a cerca de duas horas da fronteira e da cidade de Copacabana.

IMG_2329

Por que a cidade é tão feia? Ficamos nos perguntando por que nenhuma casa era pintada em Puno. Foi ai que o nosso guia do Lago Titicaca nos explicou. De acordo com o pensamento maluco do governo de lá, se as pessoas pintam suas casas por fora significa que elas têm dinheiro e, tendo dinheiro, elas têm que pagar mais impostos! Vai entender né…

Como ir

Trem

O Andean Explorer vai de Cusco para Puno e garante paisagens maravilhosas! Foi a forma que nós escolhemos, saiba mais aqui. Demora cerca de 12 horas de Cusco para Puno e vale cada minuto!

DSC_0038

Uma das paisagens durante o trajeto de trem

Ônibus

Há diversas empresas que vão até Puno. Normalmente os trajetos mais procurados pelos turistas são Arequipa>Puno e Cusco>Puno. Eu recomendo a empresa Cruz del Sur. É bem segura, confortável e tem até refeição na viagem (custa, em média, 20 dólares cada trecho).

Avião

Puno não possui aeroporto, mas existe um na cidade vizinha, Juliaca. É uma boa opção para quem tem pouco tempo e não pode gastar horas se deslocando de ônibus. De Juliaca para Puno leva cerca de 40 minutos.

Onde se hospedar 

Primeiramente, reservamos um quarto no Hostel Titiuta, mas, quando chegamos, levaram a gente para o Hostal San Antonio Inn e explicaram que o Titiuta estava passando por uma reforma. Foi ótimo porque pegamos um hotel superior e pagamos o mesmo preço (29 dólares para um quarto privativo, com banheiro e café da manhã). É um hotel bem confortável e fica do lado da Plaza de Armas.

Para mochileiros: Cozy Hostel e Pacha Hostel

Para quem quer conforto, mas sem gastar muitoIntiqa HotelSuites Antonio’s

Para quem gosta de luxo: não há nenhum hotel luxuoso em Puno, mas, se você quer exclusividade existe um que fica em uma ilha particular no Lago Titicaca, o Isla Suasi Hotel.

O que fazer

Plaza de Armas

O Centro Histórico de Puno é bem mais simples do que o de Cusco. Tem somente a Catedral e uma rua turística, a Jr. Lima.

Mirador de Kuntur Wasi

O mirante te da uma vista privilegiada do Lago Titicaca. Fica bem alto! Você pode subir a pé ou ir de taxi.

Casa del Corregidor

Uma construção do século XVII que representa uma das construções mais antigas da cidade. Lá dentro você encontra lojas de artesanato, um restaurante e agências de viagem.

Passeios saindo de Puno

Ilhas do Lago Titicaca (Uros, Taquile e Amantani)

O melhor motivo de passar por Puno é para fazer esse passeio no Lago Titicaca e conhecer as populações tradicionais que moram nas ilhas.

Saiba tudo sobre o passeio no Lago Titicaca

Saiba como foi minha experiência na Ilha Amantani aqui

DSC_0159

No ponto mais alto do Lago Titicaca, a quase 4mil metros acima do nível do mar

Yavari

Para quem quer fugir das ruínas Incas, esse é um passeio interessante. Trata-se de um navio inglês que foi ancorado no lago. O curioso é, como um navio saiu do outro lado do Atlântico e foi parar em um lago que está a quase 4mil metros acima do nível no mar? A resposta é que ele chegou no local completamente desmontado e foi remontado no lago. Depois de muitos anos abandonado, ele foi restaurado pela Marinha boliviana com a intenção de que ele volte a navegar. A entrada é gratuita.

Sillustani

No complexo arqueológico você encontra torres de pedras que serviam de túmulos para os nobres da  civilização Tiwanaku (uma cultura pré-incaica). Porém, muitos deles foram saqueados, pois estavam com diversos objetos valiosos. É possível acessar algumas das cavidades onde ficam as múmias. Outra atração é o platô completamente plano que é objeto de estudo para teorias ufológicas. Será que é um estacionamento de naves espaciais? 😛 Além  disso, aproveite para ter uma vista linda do Lago Titicaca. Para ir, contrate uma excursão ou pegue um taxi.

Onde comer

Mojsa

Esse restaurante é uma delícia! Gostamos tanto que fizemos a maioria das nossas refeições lá. Os preços são ótimos e tudo que provamos era bom, desde a pizza aos pratos típicos (gastamos cerca de 40 soles com prato principal e sobremesa, por pessoa).

IMG_2286

Truta salmonada com purê de batata doce no Mojsa

La Casona Restaurant

Um bom lugar para provar a culinária local. Lá tem o menu turístico e você pode provar a carne de alpaca (o menu custa 20 soles).

IMG_2317

Loving Hut Titikaka Vegan

Esse era um dos restaurantes da minha lista, mas não consegui achar! Nem o taxista sabia onde era. A confusão foi que existem duas ruas com o mesmo nome em Puno e nós fomos justamente para a errada. Uma pena, porque tem preços ótimos e parece ser um paraíso para os vegetarianos (Jr. Jose Domingo Choquehuanca # 188, Barrio Porteno, Parque de las Aguas | Alt. 2da. cuadra Av. Titicaca, detras del Coliseo Cerrado).

Cafe Bar de la Casa del Corregidor

O lugar é uma gracinha e tem um café é ótimo! Bom para lanches e refeições (Jr. Destua # 576).

Pizza e Pasta

Pizza sempre cai bem né? Ainda mais quando se está viajando e está cansado da comida local. Acho meio difícil enjoar da comida peruana, mas pizza sempre é uma boa opção (Jr. Arequipa # 320).

Saiba como foi meu roteiro de 24 dias no Peru e na Bolívia

Posts relacionados

7 Comentários

O melhor de Cusco: roteiro de passeios, restaurantes e hotéis | Ecdemomania 04/06/2014 - 12:29

[…] >> Continuação: Puno (15/02 – 18/02) […]

Reply
Viagem de Cusco para Puno: como é viajar no trem Andean Explorer | Ecdemomania 04/06/2014 - 14:14

[…] >> Puno (15/02 – 18/02) […]

Reply
Dicas de Machu Picchu, a cidade perdida do Império Inca | Ecdemomania 05/06/2014 - 15:23

[…] >> Volta para Cusco (13/02 – 14/02) e ida para Puno (15/02 – 18/02) […]

Reply
Arequipa, a cidade branca | Ecdemomania 11/06/2014 - 18:10

[…] << Puno (15/02 – 18/02) […]

Reply
O melhor de Cusco: roteiro de passeios, restaurantes e hotéis – Gira Mundo 31/03/2017 - 11:29

[…] Depois de uma boa noite de sono e um dia tranquilo em Cusco, pegamos o trem direto para Puno no dia […]

Reply
De Cusco para Puno: como é viajar no trem Andean Explorer – Gira Mundo 27/09/2017 - 19:39

[…] foi lançado um trem ainda mais luxuoso, o Belmond Andean Explorer que, além de levar até Puno, também vai a Arequipa. Neste as viagens são mais longas, duram de uma a duas noites nos trajetos […]

Reply

Deixar um comentário

pt_BRPT_BR
en_USEN pt_BRPT_BR